???

sábado, fevereiro 24, 2007

Isto é notícia?

Será mesmo que moderar os comentários no blog que eu criei, apesar de ser do domínio público, é notícia? Pelos vistos, até seria, se tivesse em conta o que um jornalista anónimo escreveu num comentário, no meu último post. Mas, depois daquilo que vão ler, não acredito que ele publique coisa alguma... E, mesmo que publique, não nos preocupa minimamente, se quiser até estou disposta a ser entrevistada pelo mesmo, para dar mais profundidade e veracidade à "notícia".

Escrevo neste blog desde Novembro de 2005, aqui expondo experiências, pensamentos, emoções para quem me quiser ler.

Normalmente, os leitores deste blog ou comentam na caixa designada para o efeito, ou me mandam e-mails expondo as suas opiniões, positivas ou negativas. Nem sempre tive a moderação de comentários activada, mas, devido a terem existido no passado, comentários insultuosos, sem qualquer utilidade, aqui colocados por alguém que devia confundir a minha pessoa com alguém vulgar e de índole duvidosa, resolvi apenas aceitar os comentários que não desvirtuassem este espaço e comuniquei-o devidamente neste POST (Cliquem para ler), o que pressupõe que, quem comenta, sabe, à partida que o que escreveu poderá, ou não, ser publicado.

À leitora CCM, alvo de resposta minha também no post anterior, agradeço a sua opinião, pois, tal como afirmei na caixa de comentários, possibilitou-me o esclarecimento de certos aspectos.


Será que agora já poderemos dar este assunto por encerrado?


:-)


Beijinhos a todos!


FELINA

PEACE & LOVE

21 comentários:

Anónimo disse...

Na minha opinião tu estás certa Felina. Eu se não gostasse nem cá viria e, sobretudo, nunca diria mal. Sairia e pronto.
Mas, como gosto, já tenho o teu livro e encanto-me com todos os teus textos-

Carlos disse...

FORÇA FELINA. TU ESTÁS CHEIA DE RAZÃO!

Anónimo disse...

Acho q podiam ter lidado melhor com a esta cena td. afinal, a tipa não disse nada de por aí além.
Ok, disse com todas as letras q não acreditava em tdo o q vocês escrevem e q às vezes parece q estava a ler partes tiradas de um filme... elogiou a vossa imaginação. Mas não insultou ningém. Mas o felino logo à primeira sem mais esforços pra mostrar o seu ponto de vista chama-lhe burra.
já falei com muita gente sobre a vossa casa, uns gostam e acreditam outros vêm cá por desporto pois tb dizem q não acreditam mto em tdo, não por o q vocês dizem fazer, mas pela forma como o fazem.
Porque também tos de nós notam q há uma tentativa de conciliação com os mais liberais e os moralistas. tipo, "ah, ok nós somos muito doidos na cama, fazemos mtas maluquices marotas, mas atenção, somos mto fiéis um ao outro (mas falam em menages - pressuponho, portanto, q se um de vocês for às putas e gravar em DVD e contar ao outro não é traição porque o outro sabe e viu o q se passou!!!), somos pais mto responsáveis e até preservamos a nossa intimidade e por isso não damos a cara.
Sou um tipo novo, 21 anos, durante a semana (em que vivo exactamente no porto pq estou aí a estudar) vivo com a minha namorada, sou apaixonado e não tenho problemas com a minha sexualidade, mas mesmo assim não tou virado pra sexo todos os santos dias da semana. Há dias em q as prioridades são outras. Em q os problemas pendentes não deixam sequer q um belo broche me excite.
Acho q essa é a realidade e q vossa necessidade de explicar e atacar um comentt menos bom, se calahar, deixou transparecer mta coisa!

Até um dia destes!
Nuno Feijó

Bernardo Moura disse...

Cara Felina,
Os blogs são como a nossa casa. Se entrar alguém em sua casa a insultá-la não o coloca fora? Nos blogs é igual por isso ninguém pode apelidar a moderação dos comentários como uma forma de censura!
Abraço!

Lynx Felanus disse...

Caros Visitantes,

Obrigado pelos vossos comentários.

Numa intervenção minha anterior, já justifiquei (embora não devesse) o porquê da minha agressividade para com a leitora CCM.
Não me vou voltar a repetir.

Bem como não vou voltar a repetir as palavras que a Felina já escreveu por uma série de vezes... As pessoas que nos visitam leêm e têm poder de interpretação. Assim penso eu.

Quanto ao tal síndrome de peter-pan, não me diga meu caro Amigo NAP (de um post anterior), que você aceita, ou encaixa, de livre vontade tudo o que possam dizer em relação a si ou à sua Família?!... Daí a existência da moderação de comentários nos blogs... Que é legítima.

Deixo-lhes a pergunta: Onde é que começa a vossa liberdade e termina a nossa? Ou vice-versa?

Não sou nem nunca fui de dar a outra face. Portanto, é legítimo que quem escreve para este blog (A Felina e a Leoa) e quem as acompanha (eu e o Leão), tente manter uma certa ordem dentro de casa.
Já houve polémica a mais em relação a este assunto e já chega!
O ultimo post da Felina diz tudo!

Quem gosta come, quem não gosta vai comer a outro lado!

Simples, Directo, Cru e sem Mágoas!

E podem vir jornalistas, deputados, presidentes da junta, quem quiser, dizer o que quiserem!

Não vamos mudar a nossa filosofia de gestão deste sítio (embora espaço público da internet), criado pela Felina, de só aceitar quem nós queremos nos comentários aos posts.
Temos legitimidade para isso e é uma opção válida e aceite na configuração do blogger, bem como por uma boa percentagem das pessoas que nos visitam.

A partir deste momento a moderação de comentários será intransigente.

Ninguém nos pode censurar por isso! Chega de polémica!

E terminando como uma boa Amiga da blogosfera:
ACABOU, FODA-SE!
(Bjinho para ti Maria, a Nossa Amiga!)

Cumprimentos Cordiais para Todos (sem excepção),
LYNX

Anónimo disse...

Cara Felina

Por (de)formação profissional, resolvi "adulterar" uma regra básica que aprendemos nos bancos da Faculdade ( sou biólogo), que foi tentar "comparar o que não é comparavel".
Resolvi "abrir"(?) o blogue da Maria sem saber que já estava "empacotado" e "selado" pela editora para comercialização ("ganda" negócio!)e tentar comparar o estilo da escrita, com o seu.
Não fui longe. No blogue da Maria, ficaram os "restos" que o editor considerou produto "menor" para promover.
Vem isto a propósito de eu ter descoberto recentemente o seu blogue e ter gostado.
Quando a leio, tenho exactamente a reacção contrária que têm (presumo que devem ter) a maioria dos que a lêem.
Eu vou procurar retratá-la em 2 "pinceladas".
A sua escrita, é "arrumada", organizada e (não leve a mal) estéticamente bem estruturada.
Imagino a sua casa como a minha. Gente "arejada", lúdica, sem "teias" na cabeça, mas meticulosa nas rotinas caseiras.
Os filhos bem protegidos (um beijo por isso), bem mimados, educados e com regras e horários saudáveis de vida.
Nos intervalos desta azáfama, um casal sem preconceitos, que se "aninha" em qualquer canto da casa, para fazer aquilo que a natureza ( a uns mais do que outros) nos destinou:
"Acasalar"( e não procriar!).
Em resumo, a felina é uma mulher normalíssima, com um marido normalíssimo, com um ambiente típico de uma casa portuguesa.
Do pouco (não cortado) que foi possível ler da Maria, também gostei.
Dúvido ( e se calhar não tenho o direito de o pensar) que por (de)trás daqueles 19 anos de baixa "auto estima" ( ninguém vende o corpo de ânimo leve)está alguém que lhe "enriquece" os textos.
Não acredito que aqueles 19 anos (bonitos e arejados, por sinal) tenham tido tempo de "aculturar" uma escrita sem erros e bem produzida.
A Maria entregou-se à "vida" (voluntariamente ou não, não sei) e agora entregou-se a outra vida.
vai ser exactamente explorada, como foi na cama.
Mas isso deve ser-lhe indiferente.
No fundo o que a Maria quer é "ganhar" a vida!
Vai ser "curta". Está nos livros!
Um destes dias está tutelada por um qualquer "chulo" ( se é que já não está!) e acaba a "carpir" as suas mágoas ( e as nódoas negras) num qualquer hospital da periferia ( é o que acontece aos de vida nómada).
A sua vida é bonita felina! Goze-a enquanto dura. As rotinas (deixe-me usar um termo da Maria) são fodidas.
E a sua não vai fugir á regra.
Quando menos esperar ( e se calhar não) vai apetecer-lhe "mudar de ares".
Vai uma aposta?
Com amizade
António F. ( desculpe o pudor de não assinar o apelido por extenso)

GN disse...

...vim ver como está o espaço que me deixa sempre com mil ideias(lol). E depois de me actualizar devo dizer que é terrivel quando as pessoas se intromentem na vida dos outros (na nossa, pior ainda)...concordo plenamente contigo Felina. E só tenho mais a dizer o seguinte: "as pessoas so têm a importância que lhes damos".
***

Anónimo disse...

Olá Felina

Só pode duvidar daquilo que fazes com prazer e escreves,aqueles ou principalmente aquelas, que nunca vivenciaram esse prazer recíprocuo.
Pois, que fiquem a saber as meninas ou senhoras que não se trata nada de cena de filmes pois também eu me alio à Felina nesta saga de "amor na horizontal" com prazer, é possível vivê-lo com quem se ama. Parabéns por escreveres tão bem, quem me dera consegui-lo, mas somos todos diferentes. Quanto à Maria do Porto, já li qualquer coisa, respeito a forma como se manifesta, claro que diferente da tua, mas cada um é o resultado da sua vivência anterior e a dela naturalmente terá tido algum tempero amargo, daí a sua escrita mais hard. O que é importante é assumirmo-nos como mulheres que sabem o que querem.
Beijos
La vie en rose

Anónimo disse...

Também eu sou jornalista e, portanto, depois de ler a dissertação do colega, senti que poderia contribuir com a minha opinião.

Meus caros, devo confessar-lhes que não sou leitor assíduo deste blog, mas passo por cá de vez em quando, suscitou-me curiosidade a forma o livro foi publicitado na TV e não resisti a visitar o vosso cantinho.

No seguimento da primeira incursão, continuei a fazer visitas esporádicas, embora sem o mesmo interesse pois, confesso - e sem querer colocar-me em bicos de pés, não levem a mal -, parece-me que a Felina tem escrita pouco cuidada, particularmente na pontuação e na organização dos textos, o que me desmotiva. Sinceramente.

Mas, voltando ao início, parece-me que têm toda a legitimidade para moderar os comentários e, como é óbvio, escolherem os que entendem que podem ser publicados.

Comentando o colega, partindo do princípio que é realmente jornalista, devo dizer-lhe que é um pouco utópico e afirmo, sem reservas, que no seu jornal, seja ele qual for, não há liberdade total de expressão. Ponto final.

Mesmo independentes, todos os órgãos de comunicação social seguem critérios editoriais próprios e você, se pretender fazer uma reportagem, terá de propô-la ao seu editor. Se o tema interessar, avança, caso contrário nem para o congelador vai. É assim em todos os jornais. Sei do que estou a falar. E você, meu caro, também sabe.

Portanto, quando os jornais têm o dever de informar e fazem-no recorrendo a uma selecção, por vezes com critérios duvidosos, por que razão não há-de uma pessoa que criou um blog na Internet fazê-lo.

Presunção e tentativa de condicionar a liberdade dos outros é considerar errada a gestão que qualquer cidadão faz do seu espaço na net.

Grande abraço ao colega, cumprimentos a todos os frequentadores, e para os felinos criadores do blog... continuem, à vossa maneira.

FS

Anónimo disse...

força e nao te deixes levar por essas cenas felina, es a maior!
e o resto é paisagem

Anónimo disse...

cara amiga,
so querem é musica, cada um vive como quer e quem nao gosta ignora,
força

Anónimo disse...

força felina, esses tipos nao t~em é o que fazer,

x disse...

ola felina

O gatinho têm uma atitude pouco felina.

Lí num blogue, alguém que se queixava por ter sido responsabilizado por um comentário anónimo.
Por isso, penso que tens toda a legitimidade para fazer moderção de comentários, e publicar aquilo que entenderes afinal o blogue é teu, e como mostras-te no post anterior, "não tens papas na língua".
beijos

LB disse...

Boa noite a todos os que pertencem á espécie felina. (Isto era só para não nomear todos, a Felina, Felino, Leoa e Leão.Mas acabei de o fazer de qualquer maneira.)

Eu penso que o mais interessante deste assunto é que só se lembraram de dizer este tipo de parvoices, de uma tacanhez impressionante, depois da publicação do livro.
Tanto quanto me lembro, não é a primeira vez que este blog tem a moderação de comentários a funcionar.
Na primeira vez que visitei este espaço, algures no ano passado, e deixei o meu primeiro comment, este teve de ser aceite pela Felina, antes de ser exposto.

Se na altura ninguém se queixava, porquê agora?

E não falando só nestes comentários em especifico, já tenho lido para aí outros que, na minha opinião muito pessoal(e de relevância minima, eu sei ),roçam em muito os limites da má educação e mau gosto.
Acho que isso, por si só,justifica a existência e aplicação deste tipo de medidas.
Liberdade de expressão e opinião é uma coisa,dar liberdade á má educação e ao desplante, é outra.

Mas é o país que temos, cheio d gente com muita fome e pouca genica para caçar. Daí divertirem-se a incomodar os outros que conseguem alcançar algum sucesso.

E ha outra coisa a que tenho achado imensa piada. Criticas muito "XPTO" sobre o tipo de escrita da Felina. Os textos que aqui estão, a meu ver, são a cima de tudo de teor pessoal (apesar do espaço publico em que estão expostos). Logo, o tipo de escrita, ortografia, semântica ou sintaxe que os reproduz tem tendência a reflectir,em primeiro lugar,as emoções que as palavras pretendem transmitir.
Acho que esse é o principal aspecto, porque se depois de ler um dos textos que aqui estão, quer da Felina ou da Leoa, uma pessoa fica a pensar: " Aquela virgula alí...huumm..ai aquela virgula...e aquele ponto de exclamação! Ai que desgraça!" ou é porque tem sexo ainda melhor, ou então é frigido.
Espero que seja a primeira.

Uma vez mais, quer-me parecer que me estiquei no tamanho do comentário.

Beijos e Abraços.

Anónimo disse...

claramente a felina não è nenhuma expert na arte de bem escrever...mas não é pela escrita que os bloggers cá vêm...
nós vimos cá pelos relatos que ela faz... se é tudo verdade ou não isso já não importa nada.

maria porto disse...

Olá Felina!
Olha, por falar em moderação... queria dizer-te que apaguei um comment teu sem querer :( sorry!! E CLARO que tens razão! O blog é TEU e tens pleno direito de só expôr as opiniões que queres :)
Não te chateies com isso, ok?
Bjo ;)

P.S. Isso dos erros ortográficos é tão normal! Também os dou ás vezes! O pessoal tem que entender que a 'piada' dos blogs é isso mesmo...a espontaneidade carago!

Anónimo disse...

Quero fazer um comentário ao k o Nuno Feijó disse.
Caso não tenha lido bem se reparar num comentário da leitora(Claudia Miranda) vai reparar que ela lá diz "uma puta de trazer por casa".. agora pergunto-lhe eu isto não é ofender???
Não estou a dizer com isto que cada não deve ter uma opinião negativa, estou a dizer que ela ofendeu e muito e se fosse comigo pode crer meu amigo que lhe responderia á letra...

beijos
DRAGONA

Anónimo disse...

Ah pronto, DRAGONA, estou mais esclarecido!!!

...a própria felina assume-se como meretriz quando tá com o marido. Mas dizer que nessa altura ela se transforma numa "puta de trazer por casa" já é fensa???

Cara dragona, meretriz e puta são sinónimos. Ambos com anos e anos de história.
Portanto, mantenho a afirmação, a CCM não disse nada que a felina não tivesse já anteriormente assumido!

Nuno Feijo

P.S. se não fosse pedir muito gostava que o meu comment fosse aprovado apenas pra poder fazer entender o meu ponto de vista e por uma questão de justiça relativamente ao tempo de antena!

Beijo e abraço, respectivamente!

Anónimo disse...

Caro Nuno,

Não digo que não deixe de ter razão, mas a minha opinião não deixa de ser a mesma quanto a esse assunto.
E ah eu sei o significado das palavras.

BEIJOS E ABRAÇOS..
DRAGONA

Anónimo disse...

Cara DRAGONA,

isso é incongruente! Ora me dá razão ao dizer que as palavras são sinónimos e por isso não houve ofensa, ora diz que mantém a sua opinião?

...não posso deixar de achar estranho.

Nuno Feijó

Anónimo disse...

Caro Nuno,

Eu dou-lhe razão quanto aos sinónimos, porque tb sei português e conheço perfeitamente o significado das palavras.
Agora o resto como lhe disse não deixo de ter a minha opinião. A felina foi ofendida sim e como ela sabe terá sempre o meu apoio como amiga.

Beijos e abraços para si.

BEIJOS PARA A FELINA