???

quarta-feira, janeiro 31, 2007


Ver nos olhos do Felino o reconhecimento do empenho que tenho, em fazer do nosso lar um refúgio acolhedor em que o equilíbrio familiar se destaque, é do melhor que há. Ver-lhe os olhos a sorrir, sem palavras, mas com um brilho imenso e um sorriso agradecido, faz que todo o cansaço de 4 dias com as crianças doentes, se desvaneça. As crianças já estão óptimas, o que me deixa em forma novamente, agora.
Sinto-me amada. Mais ainda quando, com as crianças a dormir, ele contraria o meu sono, despertando-me com beijinhos, percorrendo o meu corpo semi-adormecido, por debaixo do meu pijama pouco sexy, mas quentinho. As mãos dele deslizam-me sobre a pele, despertando-me os sentidos para o que está a acontecer e, livrando-se do tecido que me cobre, dedica-se ao meu corpo, como se de uma deliciosa sobremesa se tratasse. Beija-me a boca com sofreguidão. Com aquela sofreguidão que só os amantes conhecem, como se o mundo fosse acabar no momento seguinte e só o amor os mantivesse vivos. Deixo-me levar, perdida e encontrada nos beijos que recebo, na minha boca quente e no meu pescoço arrepiado. Sinto-me leve, solta, desejada, quando esses beijos se prolongam pelos meus ombros, braços e mãos, arrastando-se com suaves lambidas, pela minha barriga que se contrai quando a língua exploradora me penetra o umbigo.
Explora-me mais, agarrando-me as ancas com ambas as mãos, para mergulhar na parte inferior do meu corpo que já pulsa de tesão, de desejo, de fervor… Beija-me toda, até aos pés, fazendo-me sentir uma princesa sexual, pois todo o meu corpo ferve. A minha respiração torna-se arritmada quando a boca que me beija se dirige à minha ratinha pulsante e o sinto lamber-me, quando o sinto amar-me! Massaja-me as nádegas, enquanto o faz. Aproveita-se da minha humidade para, com ela, me explorar o rabinho em simultâneo e confesso que morro um pouco quando um estrondoso orgasmo me faz abandonar à sua mercê. Sou dele, totalmente dele. E ele sabe-o. E, PORQUE O SABE, espera que eu me insufle de força e vida, para fazermos amor, da forma mais pura que existe. Sexo no sexo. Boca na boca. E um enorme orgasmo partilhado, numa dança frenética e apaixonada, sem palavras, mas com lágrimas nos olhos.
Hmmmmmmm…..

19 comentários:

Anónimo disse...

Adorei!!
adoro sempre os teus textos!!

beijo

Jade

Zé disse...

Xi grandé. És linda.

Inês disse...

É como morarmos perto do mar: nós não o vamos ver todos os dias, mas só de saber que ele lá está, dá uma sensação óptima. Podemos sempe visitá-lo, sem ter que percorrer mais de 4 kms. Como ter o nosso amor a morar connosco. Podemos estar mais calados um dia,menos horas juntos, noutro, mas ele existe e não desaparece de um momento para o outro.

Anónimo disse...

Texto diferente...Muito sensual e com muito amor. Adorei.
BEijos
Fofinha

Eclipse com Amor disse...

Eu também adoro estes "reconhecimentos" pelo corpo todo, são sem dúvida a melhor recompensa por tudo o que passamos.
Bons eclipses (de reconhecimento da àrea...)
Lua

Anónimo disse...

Felina,

Tu és linda linda linda :)

A tua escrita neste texto está divinal, de uma doçura e de uma sensibilidade maravilhosa e arrasadora que me emocionou.

És uma Deusa e não tenho a menor dúvida que deves a ti mesma o reconhecimento que o Felino te dedica!

Um beijo

Asas ao Vento

Anónimo disse...

OH! Felina, adorei este pequeno texto.Assim é lindo e vale a pena...
Para mim, é um"desconhecimento" total como a vida é vivida de forma bem diferente, daquela que conheço. Através deste blogue, tenho alargado os meus conhecimentos s/ coisas que não pensava existirem.Estas coisas não são fáceis e se pudéssemos ir à farmácia comprar o k nos faz falta, ou então pormos um anúncio, era formidável, assim....
Um abraço
Vyola

Anónimo disse...

parabens continua

katarina disse...

Hum..muito muito sensual,adora essa exploraçao de beijos pelo corpo..humm É tao bom!! hihi

Adorei o texto transmite muito o vosso amor e carinho de um pelo outro.

Beijos da kat*

Ricardo disse...

Bom texto, lembra.me o dia de hoje com a minha gostosa em algumas partes ui ui :)

Beijos*

Ps: Amo.te Muito Kat @

Sónia disse...

Um texto mais soft do que aqueles a que estamos habituados, mas nem por isso menos...hum...apetitoso e cheio de paixão.
E venha a contribuição literária do Felino!! :)

Leoa disse...

És optima!!! Que texto fantástico! Que erotismo! Que cumplicidade! Adoro-te Felina! Um beijo terno

nino&nina disse...

Um dia passei numa livraria, e o nome do teu livro, chamou-me atenção, desfolhei, li, e comprei o livro para oferecer a minha mulher, a partir dessa altura não conseguimos passar um dia ser visitar o teu blog, e deliciarmos as tuas expeirencias, foi uma lufaça de ar fresco, na nossa relação, obrigada por seres quem és e partilhres os teus momentos, continua.

Adorei ouvir-te na prova oral

Bjs

Anónimo disse...

LINDOOOOOOOOOOOOO.
SeXbOmB

Anónimo disse...

salvaste uma entediante viagem de autocarro até peniche, com a tua participação na prova oral. adorei ouvir-te, e assim que cheguei a casa vim a correr espreitar o teu blog..meu Deus!!, faz-m lembrar mtas coisas numa relação que tive, tão especiais..

muitos parabéns pela maneira brilhante como expressas estas vivencias..



Loba

isile disse...

Muito carinho, muito amor... Adorei e adoro os teus textos!

beijo

Anónimo disse...

Como sempre os textos são fantásticos, este é especialmente muito ternurento e com muita sensualidade.

BEIJOS DOCES para ti e para o Felino...

BEJOS LONGOS PARA O DRAGÃO.... ADORO-TE
DRAGONA...

Anónimo disse...

Além da sensualidade e sexualidade normal nos teus textos, desta vez colocas toda a sensibilidade pelos problemas do dia a dia.
Uma palavra: soberbo.
Continuo a adorar visitar o blog.

Um bom fim-de-semana calorento.

Beijos longos e húmidos para a Dragona

Dragão

noite sombria disse...

simplemente divinal....