???

quinta-feira, janeiro 12, 2006

MENSAGEM


Esta manhã, um grande @MIGO escreveu-me isto, que vou aqui postar na íntegra, para depois comentar, no final… (espero que não te importes, apenas não te vou identificar !!!)
« Sabes uma coisa que tenho reparado? É que, normalmente, nos casais, um é mais assanhado (pelo memos em público) que o outro, o que não quer dizer que o outro seja uma mosquinha morta; muito longe disso, senão não estava connosco. Simplesmente o item "sexo" não está tão alto na sua lista de prioridades. Nós dois somos os assanhados dos nossos casais. Da mesma forma que tu queres ir com o o teu Homem á loja (sex-shop) também eu gostava que a minha Mulher fosse mais ousada em certas coisas.Mas será que temos o direito de os obrigar a gostar do que gostamos? Acho que não. Tambem acho que uma das razões porque gostas DELE é presisamente por ele ser mais "timido" que tu. E é isso que vos dá a esperança de longevidade dessa relação. Se ele fosse igualmente assanhado achas que gostavas dele da mesma forma?Mais provavelmente seria uma paixão louca e intensa, um fogo brutal que consumiria tudo e todos, mas que se esgotava rapidamente…
Tudo isto para dizer que se calhar devias abrandar um bocadinho para ele não se sentir pressionado. É que o blog exerce alguma pressão sobre ele, e cada um tem o seu ritmo proprio. Eu dou saltos, corto amarras. Outros vão passo a passo, sempre seguros por uma corda. »
Passei grande parte desta tarde a « mastigar » as tuas palavras, a senti-las bem no fundo de mim, a exercitar a minha consciência e confesso que tenho que as subscrever inteiramente… Pois é daqui que advém o equilíbrio da minha relação com o meu companheiro !

No entanto discordo, apenas, com o facto de o meu blog exercer pressão sobre ele. Isso creio que não acontece porque eu vejo a reacção dele aos meus posts, àquilo que escrevo e como escrevo. Ele sempre me conheceu assim e ele sabe muito bem que eu lhe digo tudo o que quero, sempre. O blog só me ajuda a canalizar aquilo que penso, de uma forma mais indirecta. E é uma forma de eu não me sentir tão inibida. Eu sei que ele gosta disso.

Eu AMO-O de uma forma que nunca amei ninguém ( e aqui estou perfeitamente habilitada para o dizer com convicção) e, se o escolhi e ele me escolheu a mim, é porque ambos nos revimos no outro e temos consciência de que o outro nos completa. Sim: porque eu sou forte naquilo en que ele é fraco e vice-versa!
Obrigada @MIGO por me fazeres reflectir sobre isto. Foi muito importante para mim esta tua mensagem…

4 comentários:

Fotos Indiscretas disse...

Boa análise dos assanhados e dos inibidos e do porque de se juntarem. Um pouco de freio para um, a libertação para o outro.

Beijos

R&V

ParaMeuPrazer disse...

S.M. , o teu @migo especial não pode estar mais enganado...num relacionamento não é obrigatório um ser assanhado e outro não, para que as coisas corram bem....
E sei o que estou a dizer, dois super assanhados vivem lindamente...muito extenuados mas lindamente.
Chocho do Viking.

Sou só Pedro disse...

Confesso que me identifico bastante com aquilo que o teu amigo disse... a verdade é que acho que a simplesmente... mulher!! e o sou_so_pedro até são bastante parecidos... tendo em casa parceiros um pouco menos "acesos" (mas não com menos "tesão"!!) que nos equilibram. Embora também ache que casais em que ambos tenham "muito fogo" incendeiem a casa e casais em que ambos tenham "pouco fogo" também possam ser felizes!

No entanto, concordo precisamente contigo quando dizes que o blog não serve para pôr pressão, mas sim como forma de dizer algumas coisas que de outra forma te inibirias de dizer (embora não devendo ser assim, compreendo isso perfeitamente). Lá por casa nem se sabe que tenho um blog, essa será outra etapa, ou então não... veremos!!

Kiss
SSP

LM disse...

Numa relação há sempre um que é mais acesso que o outro, no entanto não quer dizer que se amem mais ou menos por isso.

Essas tentações...ou picardias...ou até fogosidade têm dias!!

Há dias em que tu estás menos virada para provocar essas sensações e ele pode estar em alta.

O que o @amigo disse eu discordo de um ponto.

Por exm:
Pelo simples facto de eu cada vez q estou num lugar sinistro, ou num local mais perigoso e pensar logo em sexo, Não quer dizer que a minha mulher não pense também e não o queira também. Somente no meu caso estou normalmente mais tentado a faze-lo, mas há outras ocasiões onde é ela que me tenta, faz tudo parte da mentalidade e personalidade de cada um.

Não sei se tem a ver mas eu sou signo - CARNEIRO

E ELA É -GÉMEOS.

JOKAS